O Estranho - Kristen Ashley {+18}

Olá pessoal, tudo bem com vocês ?

Como disse no Li até a Pagina 100 e... #18O Estranho é uma história cativante e instigante que retrata o envolvimento entre Gwen e um homem misterioso. À primeira vista esse relacionamento causa estranhamento e nos faz levantar várias hipóteses, mas garanto que você irá se encantar por este livro, seja por causa das partes românticas ou pela trama policial que o embasa.




O Estranho conta a história de Gwen Kidd, uma mulher bonita, atraente e determinada, que se entrega a um relacionamento peculiar com um perfeito sedutor que aparece todas as noites em sua cama, envolvendo-a num excitante jogo de sensações, e a deixa sem que ela perceba, antes do amanhecer, sem que ela saiba ao menos o seu nome. Mas quando Gwen precisa ajudar a irmã, que se envolveu com uma gangue da pesada, e as duas passam a correr perigo, o lado protetor de seu amante misterioso vem à tona. Será que aquele louco relacionamento pode se revelar algo bem mais complexo?







Algumas noites da semana, Gwen recebe a visita do Estranho. Ele aparece em seu quarto sem fazer nenhum barulho e faz com que tenha noites incríveis de sexo, desaparecendo da mesma forma silenciosa que chega antes que o dia nasça, deixando-a sem saber como esse homem a mais de um ano consegue entrar e sair de sua casa quando bem entende, e porque nunca perguntou sequer o nome dele.

Tudo em sua vida estava indo na mais perfeita ordem,ela tinha um emprego que permitia que vivesse com certo conforto em uma casa só sua, além de conseguir manter seu vício em roupas e Cosmopolitans. Quando Darla, uma amiga de sua irmã, aparece em sua porta fazendo ameaças, a vida de Gwen sofre uma reviravolta. Contudo, ela não está sozinha e conta com três caras gatos que irão fazer de tudo para protegê-la: um líder de uma gangue de motoqueiros, um detetive “certinho” e um “espião” super protetor que parece saber tudo a respeito dela.

Capas americanas da série O Homem dos Meus Sonhos

Era de se esperar. Porto-riquenho, italiano, cubano – a mistura perfeita para um cara gostoso e mandão, um coquetel foda.
Pág. 98

O Estranho é o tipo de livro que prende o leitor a pequenos mistérios da primeira até a última página, e essa foi a característica que mais me conquistou na obra. A história se inicia retratando de maneira muito superficial a relação de Gwendolyn com o Estranho, e isso nos leva a querer saber mais detalhes. Será que ele é fruto de uma imaginação fértil? Um garoto de programa? Um espião? Esse mistério me atormentou por inúmeras páginas, mas quando enfim o desvendei, o enredo sofreu um grande upgrade, ficando ainda mais interessante.

A protagonista é muito divertida, adorei cada detalhe de sua personalidade. Em determinados momentos ela tem péssimas atitudes, mas não é o tipo de personagem bobinha que faz besteira e fica se lamentando, a imagem que ela passa para o leitor é a de uma mulher forte, decidida e muito carismática. Não vou descrever detalhadamente os demais personagens porque acredito que vocês vão achar mais divertido ler a descrição que Gwen faz sobre eles, mas já vou avisando, preparem-se para conhecer três caras capazes de abalar a imaginação de qualquer uma.

Autora

E eu era muito boa em sonhar acordada. Passava a maior parte do tempo fazendo isso, inventava os melhores sonhos que existiam. Mas a realidade superou-os e a certeza se instalou. Firme.
Pág.: 213

Kristen Ashley me conquistou com sua escrita leve, personagens divertidos, história equilibrada e bem ambientada, cheia de cenas de ação e suspense. Para quem não curte livros eróticos muito detalhistas, este exemplar é perfeito, pois trabalha mais a sensualidade do envolvimento entre os protagonistas do que o ato sexual em si. Aliás, sensualidade é a palavra de ordem que melhor define a escrita dessa autora, tudo que ela descreve é muito sexy, e ao mesmo tempo é divertido. Preparem-se para uma leitura leve e envolvente.

A capa não me agradou muito, achei a fonte do título apagada e sem graça, e a imagem é muito escura e pouco criativa, não possui um efeito visual bacana. A diagramação fenomenal, característica do Selo Violeta (Fábrica 231), foi o que salvou o design do livro, já que é impossível não amar essas bordas cor de rosa. A fonte é de tamanho mediano. Não encontrei erros de revisão. Leitura recomendada.