Star Wars: A Princesa, O Cafajeste e o Garoto da Fazenda - Alexandra Bracken

Saudações, jovens padawans, como vocês estão?

Há muito tempo, numa galáxia muito, muito distante, George Lucas lançava o que posteriormente se tornaria símbolo da cultura nerd e uma das maiores franquias de sucesso no cinema. Star Wars IV: Uma Nova Esperança, originalmente Star Wars, foi lançado em 1977 pela LucasFilm e se tornou um novo marco na indústria cinematográfica. Star Wars: A Princesa, O Cafajeste e o Garoto da Fazenda é o primeiro livro de uma trilogia que busca produzir uma releitura dos clássicos filmes da saga (trilogia original) e tem como objetivo agradar os antigos fãs e alcançar novos, sobretudo, os mais jovens.



Ainda que a Aliança Rebelde tenha ganhado algumas batalhas contra o Império, a esperança está se esgotando. O Império está prestes a revelar a Estrela da Morte, uma estação bélica capaz de destruir planetas inteiros num piscar de olhos. Agora, o destino da galáxia está nas mãos de uma princesa, um cafajeste e um garoto da fazenda... Esta é uma versão de Star Wars: Uma nova esperança (episódio IV) como você nunca viu. A edição vem acompanhada de ilustrações incríveis e apresenta a história original a uma nova geração de leitores, assim como fornece uma perspectiva inédita para os fiéis fãs da saga. Cada parte da narrativa é contada pelo ponto de vista de um dos três protagonistas, se aprofundando nos conflitos desses heróis que se unem para combater o mal que ameaça toda a galáxia.





O livro começa com uma Nota da Autora onde ela relata ser fã de Star Wars por conta do pai, além de explicar seu entendimento pelo conteúdo da saga, bem como as fontes de onde bebeu para fazer esta releitura, no caso, sua imaginação, o roteiro do filme de George Lucas e da radionovela de Brian Daley, de 1981. A obra em si nos proporciona uma nova visão sobre os acontecimentos do episódio IV, além de trazer cenas inéditas dos protagonistas, mas sem perder aquele espírito Star Wars de ser. A história foi dividida em três atos, cada um relatado sob a perspectiva de um personagem diferente, como a Princesa, Leia Organa; o cafajeste, Han Solo; e do garoto da fazenda, Luke Skywalker.

Estrela da Morte se aproximando de Alderaan, planeta "natal" da Princesa Leia

Não era necessário. Sua raiva era tão intensa e quente que consumiu antes que ela pudesse realmente fazer uso dela. E então Leia não sentia mais nada, a não ser um entorpecimento de descrença. Seu lar, sua família, tudo... Nada daquilo parecia real. Sua mãe, seu pai, suas tias, seu povo, os jardins, seu quarto, as bibliotecas, a arte, a vida que florescia ali... O Império devia ter acabado logo com ela. Faria qualquer coisa para trazer tudo de volta. Daria a própria vida, faria qualquer coisa para desfazer o acontecido.
Sabe que isso é impossível, uma voz sussurrou em sua mente. Nada poderia trazer seu lar de volta. Nenhuma negociação ou barganha corrigiria isso. Era o fim de tudo.
Pág.: 71/72

Aos que não sabem, dia 17 de Dezembro será lançado, pela Disney Studios, o episódio VII de Star Wars, sub-intitulado de O Despertar da Força, e desde o anuncio deste filme, diferentes tipos de mídias estão lançando conteúdos relacionados a franquia. Desta forma, cria-se a necessidade de conquistar novos fãs, além de agradar os mais antigos. Contudo, para que isso ocorra, é necessária uma nova roupagem com uma linguagem mais atual e leve, mas que não abandonasse a essência do roteiro original. Acredito que neste quesito Alexandra Bracken conseguiu fazer um ótimo trabalho, uma vez que sua narrativa apresentou partes descontraídas e sérias, mas apesar disso, manteve alguns diálogos originais.

As três partes do livro são narradas em primeira pessoa, desta forma, acompanhamos todos os pensamentos e sentimentos dos personagens. Este foi outro grande ponto que a obra conseguiu gerenciar perfeitamente, mostrando aos leitores que há um equilíbrio entre força e fragilidade em certos personagens, sobretudo, na Princesa Leia, onde percebemos que coragem e ousadia fazem parte de sua índole, mas que também há vulnerabilidade e sentimentos. Outro aspecto interessante é que as pontas soltas deixadas no decorrer da história foram se resolvendo a partir do momento em que os personagens vão se encontrando. Além disso, foi nostálgico relembrar as clássicas cenas do filme, ainda mais sob um panorama jamais visto.

Acredito que muitos dos novos fãs que estão para surgir mundo afora, ainda mais com os novos livros e filmes, irão se identificar com os personagens que compõem toda a saga, principalmente com a Princesa Leia, com seu temperamento elevado e sentimentalista, bem como com Luke Skywalker, com sua persistência e força. Isso se deve até mesmo pela infância difícil dos dois e pelos momentos que eles passaram na história, fatos estes que não posso contar pois poderia ser considerado como spoiler. Han Solo continua desengonçado, engraçado e irônico.

Luke, Han, Leia e Chewbacca visualizando a Estrela da Morte da cabine da Millenium Falcon*

Ele começou a se afastar, mas parou ao ouvir a voz de Han.
- Ei, Luke... - Han chamou, um leve sorriso no rosto. - Que a Força esteja com você.
Pág.: 221 

A trama do livro é bem redonda, digo, há começo, meio e fim. Algo que me agradou bastante ao ler esta obra foi que a autora seguiu fielmente o roteiro do filme, além de ter conseguido transmitir aquela sensação de estar presenciando algo épico, com cenas de ação que elevavam a minha emoção. Enfim, Star Wars: A Princesa, O Cafajeste e o Garoto da Fazenda é uma ótima história para aqueles que estejam interessados em se aventurar no universo maravilhoso de Star Wars. Eu, como grande fã da franquia, fiquei encantado com os novos pontos de vistas, bem como o desenvolvimento geral da obra.

A diagramação está simples, mas com um ótimo espaçamento entre linhas e um tamanho de fonte agradável. Na edição temos páginas brancas, o que pode incomodar a visão de certos leitores, como ocorreu comigo, contudo, somos presenteados com uma bela capa mostrando a silhueta da Princesa Leia, bem como belíssimas ilustrações dentro do livro.  Leitura mais que recomendada!

Que a Força esteja com você!

*Ilustração presente no livro.