Resenha + Promoção: Carta de Amor aos Mortos - Ava Dellaira


Olá pessoal, tudo bem com vocês?

Quando comecei a ler Cartas de Amor aos Mortos a única coisa que passou pela minha cabeça foi que esta história não me agradaria, porém quanto mais lia, mais envolvida ficava com a história da personagem e isso foi provocando uma vontade de desvendar mais e mais o passado dela. A obra aborda o tema de forma dramática a ponto de deixar o leitor um pouco melancólico, creio que essa era a intenção da autora, criar uma história capaz de despertar diversos sentimentos no leitor.




Tudo começa com uma tarefa para a escola: escrever uma carta para alguém que já morreu. Logo o caderno de Laurel está repleto de mensagens para Kurt Cobain, Janis Joplin, Amy Winehouse, Heath Ledger, Judy Garland, Elizabeth Bishop… apesar de ela jamais entregá-las à professora. Nessas cartas, ela analisa a história de cada uma dessas personalidades e tenta desvendar os mistérios que envolvem suas mortes. Ao mesmo tempo, conta sobre sua própria vida, como as amizades no novo colégio e seu primeiro amor: um garoto misterioso chamado Sky. Mas Laurel não pode escapar de seu passado. Só quando ela escrever a verdade sobre o que se passou com ela e com a irmã é que poderá aceitar o que aconteceu e perdoar May e a si mesma. E só quando enxergar a irmã como realmente era — encantadora e incrível, mas imperfeita como qualquer um — é que poderá seguir em frente e descobrir seu próprio caminho.


Após a morte da irmã mais velha, Laurel decide recomeçar sua vida em um colégio onde ninguém a conhece, uma de suas primeiras tarefas é escrever uma carta para alguém que já morreu e assim ela começa a relatar tudo pelo que está passando (desde a descoberta de novas amizades, à lembranças do que vivenciou ao lado de May) para celebridades que já se foram. À medida que vai contando sua história em uma atividade que não pretende entregar para a professora e que sabe que nunca chegará aos destinatários, ela traça uma série de devaneios sobre a vida e a morte de cada um desses famosos para quem escreve, e ao lado de seus novos amigos ela passa a vivenciar novas experiências, contudo, como ainda se sente perturbada e um pouco culpada pela morte da irmã, seu maior desafio será ignorar o passado e seguir em frente.

Cartas para pessoas sem endereço nesse mundo.

Sei que May está morta. Quer dizer, uma parte racional de mim sabe, mas não parece verdade. Ainda sinto como se ela estivesse aqui, comigo, de alguma maneira. Penso que ela vai entrar pela janela, depois de sair escondida, e me contar como foi a aventura. Se eu for mais desapegada, como May, talvez aprenda a viver sem ela.
Pág.: 23

A forma como a história é narrada é um pouco inusitada para mim, já que nunca tinha lido um livro escrito todo no formato de cartas, não existe uma divisão de capítulos, o que separa as cenas é uma saudação final, o mais interessante nessa obra é a forma como a autora ligou os personagens a cada uma das celebridades para quem a protagonista escreve, um pouco da vida e da forma como cada um desses famosos morreram também é retratada e ao fazer isso Ava Dellaira teve o cuidado de criar toda uma atmosfera relacionando as vivencias de Laurel com a dos destinatários.

A figura mais marcante da obra acaba sendo a irmã da protagonista, a forma como Laurel a idolatra e tenta ser como ela chega a ser um pouco irritante, fazendo com que o leitor passe a nutrir uma certa antipatia pela falta de personalidade própria da personagem principal, contudo a quebra dessa idolatria se dá de forma convicta e então percebemos quem é Laurel e que May não é aquela pessoa tão perfeita quanto ela pensa. Todos os personagens são bem construídos e apresentam histórias complexas e interessantes.

É triste quando todo mundo sabe quem você é, mas ninguém te conhece.

“Nirvana” significa liberdade. Liberdade do sofrimento. Acho que algumas pessoas diriam que a morte é exatamente isso. Então, parabéns por estar livre, acho. O resto de nós ainda está aqui, agarrado aos cacos.
Pág.: 197

Esse livro foi pra mim uma grande revelação, o único problema da história é que para gostar dela o leitor tem que se sentir à vontade com toda a atmosfera criada para que não passe a enxergá-la apenas como um dramalhão melancólico. Outro aspecto que vale a pena ressaltar é que o contexto exige muito, psicologicamente, do leitor pois a protagonista lida com a morte com amargura e revolta, não é uma obra comovente da qual vamos tirar uma bonita lição. O final nos dá a entender que cada personagem prosseguirá com seu respectivo dilema, pode parecer estranho, mas eu adorei a forma crua e realista como é mostrado que não importa o tamanho da perda a vida vai continuar e não existe poção mágica que nos leve a aceitá-la melhor.

O título ocupa a maior parte da capa e as cores utilizadas para dar a impressão de que ele está sobre um céu no fim de tarde traz um aspecto de beleza e dramaticidade, a capa é feita em um material emborrachado, mas quando a tocamos não fica a marca dos dedos. A diagramação é agradável aos olhos, as páginas são em um tom amarelado e no encerramento de cada carta além de uma saudação final existe um desenho de envelope que ajuda a separar um texto do outro, a fonte é de um tamanho mediano e existe um bom espaçamento entre as linhas. Não encontrei erros de revisão ou digitação. Leitura super recomendada!


Para concorrer é simples, basta preencher a primeira entrada, que é LIVRE, e você já está participando. Contudo, caso queira mais chances de ganhar, assim que a referida entrada for preenchida, as EXTRAS serão liberadas e algumas delas podem ser usadas todo dia, ou seja, muito mais chances para você!

A opção "tweet about the giveaway" é renovada a cada 24 horas, ou seja, todo dia que você tweetar a frase e preencher essa entrada, seu nome será adicionado mais vezes.

Qualquer dúvida quanto ao uso do formulário basta entrar em contato pelos comentários ou pela aba de "Contato" no menu do blog.

Parabéns Rafaela! O e-mail já foi enviado.

a Rafflecopter giveaway

Importante

  1. O ganhador deverá responder ao e-mail que mandarmos em até 48 horas. Caso não o faça um novo sorteio será realizado.
  2. O livro será ENVIADO em até 30 dias úteis pela editora.
  3. O blog não se responsabiliza por danos ou extravios causados pelos Correios.
  4. Caso o ganhador forneça o endereço errado e o pacote retorne, o mesmo perderá o direito ao prêmio.
  5. O ganhador deve ser residente e domiciliado em território nacional.
  6. O ganhador que descumprir alguma das regras será desclassificado.

"Que a sorte esteja sempre a seu favor!!"

Abraços,
  Tamires Souza
TAMIRES DE SOUZA
É Resenhista aqui no Vida De Leitor. Desenvolveu sua paixão pela leitura ainda criança através de revistas em quadrinhos e desde então não vive sem um livro dentro da bolsa. Recém formada e sonha um dia cursar uma faculdade de Direito. Seus livros favoritos são: Série Rangers Ordem dos Arqueiros, A Seleção e a Série A Mediadora
Twitter/Facebook/Skoob - Blogvidadeleitor@gmail.com
Observação: Caso o formulário de comentário não esteja visível, atualize a página.