Resenha + Promoção: Tigana: A Voz da Vingança - Guy Gavriel Kay


Saudações, caros leitores, como vocês estão?

Tigana foi um daqueles raros casos onde você começa a leitura sem muitas expectativas mas acaba se surpreendendo, como eu já havia dito na resenha de Tigana: A Lâmina na Alma - AQUI -, com uma trama rica e bem argumentada, fugindo aos clichês que temos atualmente. Assim, embarguei novamente na fantasia épica escrita por Guy Gavriel Kay, desta vez em Tigana: A Voz da Vingança, segundo e último volume.

Essa resenha pode conter spoilers do volume anterior


Numa tentativa de recuperar Tigana, sua terra natal amaldiçoada, o Príncipe Alessan e seus companheiros põem em prática um plano perigoso para unir a Península da Palma contra os reis despótivos Brandin de Ygrath e Alberico de Barbadior. Brandin é maquiavélico e arrogante, mas encontrou em Dianora alguém à sua altura e está hipnotizado por sua beleza e seu charme. Alberico está cada vez mais consumido pela ambição, cego a todas as ciladas a seu redor. Enquanto isso, o grupo de heróis viaja pela Península em busca de alianças que podem virar a batalha a seu favor. Alessan está mais dividido do que nunca, Devin já não é o rapaz ingênuo que era antes, Catriana apenas deseja redenção e Baerd descobre um novo tipo de magia. Conseguirá Tigana vingar a memória de seus mortos? Ninguém pode prever as perdas que sofrerão nem que fim terá esse embate. Sacríficios serão feitos, segredos antigos serão revelados e, para que alguns vençam, outros terão obrigatoriamente que cair.


Depois dos acontecimentos de A Lâmina na Alma, o príncipe Alessan e seus companheiros visualizam uma oportunidade para derrubar de vez os dois tiranos que controlam a península da Palma - nome dado pelos visíveis contornos desta terra que se igualam como uma tal. Assim, o grupo se separa para congregar mais aliados para lutarem aos seus lados e com isso Baerd acaba se envolvendo com um grupo chamados Andarilhos da Noite, em uma Noite das Brasas, da qual celebrava o inicio da primavera, além de acabar descobrindo uma nova magia. Alessan, por sua vez, está mais confiante de seu plano, porém, alguns obstáculos irão surgir em sua caminhada, juntamente com Devin e o mago Erlein. Nesse meio tempo, eles terão que ir até o Santuário de Eanna, onde a mãe, já debilitada, do príncipe lhe aguardava. Passados irão retornar e segredos serão revelados, mostrando a verdadeira face de cada um. 

Mapa da península da Palma
"Baerd não esperou mais.
- Vá embora! - gritou de novo, ainda mais alto, com uma certeza retumbante na voz. - Eu disse que conheço você e é verdade. Você é o espírito dos nossos violadores. A presença de Ygrath e de Barbadior nesta península. Os dois! Você é a tirania em uma terra que já foi livre. Você é a destruição e a ruína destes campos. Você usou a sua magia no oeste para criar uma profanação, para obliterar um nome. Seu poder vem da escuridão e da sombra sob esta lua, mas eu o conheço e sei seu nome, e, assim, todas as suas sombras devem desaparecer!"
Pág. 36  

Não sei se vocês sabem, mas o livro Tigana, aqui no Brasil, fora dividido em dois volumes, assim, as características em termos narrativos seguem os mesmos moldes que encontramos no primeiro título. Narrado em terceira pessoa e intercalando em dois pontos de vista, os opressores e os oprimidos, Tigana: A Voz da Vingança nos mostra o passado de alguns personagens, além de relevar alguns segredos obscuros dos mesmos e o modo como eles encaram a realidade ao seu redor. Apesar da escrita de Guy Gavriel Kay ser bem detalhada, acabamos submergindo em sua trama em face a interatividade que ela provoca, onde um acontecimento pode desencadear algumas emoções e reações, principalmente aquelas onde combates estão ganhando vida e possíveis mortes podem ocorrer.

O final do primeiro volume é um pouco ameno, mostrando as decisões do grupo e o rumo que eles irão seguir, o que é compreensível, afinal, aquele não era para ser tecnicamente o final do livro, mas sim o seu meio, já que a SDE Brasil dividiu a obra original em duas. Entretanto, por ser justamente uma finalização, nesse segundo livro encontramos mais confrontos entre aqueles que se veem oprimidos e os aliados dos opressores, assim como seus soldados. Além disso, percebemos uma certa evolução dos personagens, mesclando diferentes emoções e agressividade, quando necessário, resultando em personalidades fortes e coerentes. Um dos exemplos mais visíveis onde pude perceber isso foi em Devin, uma vez que sua capacidade de observação e reação foram aguçadas e aperfeiçoadas. Fora isso, ainda não consegui me simpatizar com o casal Bradin e Dianora, apesar do tirano ainda ser tão perverso e impiedoso quanto seu rival, Alberico.

Guy Gavriel Kay, autor da obra
"Segurem-se uns aos outros e se abram para nós! A presença profunda do segundo mago estava ali para responder. Agora temos uma chance. É perigoso, não vou mentir, mas se aguentarmos juntos, pela primeira vez nesta península, poderemos conseguir! Venham, juntem-se a nós, precisamos fazer um escudo com nossas mentes. Sou Sandre d'Astibar e nunca morri. Juntem-se a nós agora!"
Pág. 299/300

O final fora escrito com maestria, dado que a batalha final é bem detalhada e coesa, sem exageros e/ou furos. A fantasia épica de Guy fora uma das melhores obras que já li esse ano, portanto, sentirei saudades dos personagens e da perversidade dos tiranos, além do mundo criado. No epílogo temos uma noção dos rumos que alguns tomaram. Como essa obra apresenta uma trama bastante detalhada, onde cada trecho tem sua devida importância, recomendo que leiam os dois volumes de uma vez, pois há a possibilidade de esquecerem de algum personagem secundário, além de alguns detalhes importantes que foram apresentados no livro anterior. 

A diagramação está agradável aos olhos e a edição um pouco mais simples quando a comparamos com que encontramos no primeiro volume; com páginas amareladas, uma fonte pequena, além de contarmos com um mapa da península da Palma logo após o sumário. Encontrei alguns erros, o que deixa a revisão falha. Leitura obrigatória para todos para aqueles que gostam de fantasias épicas e para aqueles que gostam de se aventurar em novos gêneros. 

"Mas onde estiver e para onde olhar,
Em águas calmas ou em alto mar,
Meu coração sempre irá voltar
Para o sonho das torres de Avalle."
Pág. 117

Caso queira ler um trecho do livro, clique aqui.

Resenha redigida ao som do álbum The Hunting Party (Linkin Park).

Promoção


Para concorrer é simples, basta preencher a primeira entrada, que é LIVRE, e você já está participando. Contudo, caso queira mais chances de ganhar, assim que a referida entrada for preenchida, as EXTRAS serão liberadas e algumas delas podem ser usadas todo dia, ou seja, muito mais chances para você!

A opção "tweet about the giveawey" é renovada a cada 24 horas, ou seja, todo dia que você tweetar a frase e preencher essa entrada, seu nome será adicionado mais vezes.

Qualquer dúvida quanto ao uso do formulário basta entrar em contato pelos comentários ou pela aba de "Contato" no menu do blog.

a Rafflecopter giveaway


Parabéns Jan! Um e-mail foi enviado e você deve responder com seus dados completos em até 48 horas. Caso não o faça no tempo descrito um novo sorteio será realizado. 


Importante


  1. O ganhador deverá responder ao e-mail que mandarmos em até 48 horas. Caso não o faça um novo sorteio será realizado.
  2. O livro será ENVIADO em até 30 dias.
  3. O blog não se responsabiliza por danos ou extravios causados pelos Correios.
  4. Caso o ganhador forneça o endereço errado e o pacote retorne, o mesmo perderá o direito ao prêmio.
  5. O ganhador deve ser residente e domiciliado em território nacional.
  6. O ganhador que descumprir alguma das regras será desclassificado.

"Que a sorte esteja sempre a seu favor!!"

Abraços,
Gustavo Demétrio
GUSTAVO DEMÉTRIO
É Resenhista e CDC aqui no Vida De Leitor. Um ávido leitor que sonha um dia se tornar um Arquiteto de renome. Admirador do universo e grande fã do Stephen King. Seus livros favoritos são: Série Torre Negra, Sherlock Holmes Sob a Redoma. 
Twitter/Facebook/Skoob/Instagram - Blogvidadeleitor@gmail.com
Observação: Caso o formulário de comentário não esteja visível, atualize a página.