Vida de Seriador #11 - Penny Dreadful

Saudações, caros leitores, como vocês estão?

Depois de longos meses sem um Vida de Seriador - apesar das recentes recomendações do Matheus em seu post Top Séries de TV -, venho recomendar a vocês uma série que eu desconhecia, mas que acabou me conquistando logo nos primeiros minutos de seu episódio piloto. Enigmática, sombria, aterrorizante e possessiva, Penny Dreadful faz uso dos melhores conceitos já apresentados em filmes e séries de terror/horror nas telas, além de inovar em alguns, apresentando personagens clássicos da literatura e do cinema, todos unidos em uma só série por uma história macabra. 

Classificação Indicativa: Não recomendado para menores de 16 anos


Sinopse: Penny Dreadful é uma série de terror com toques sobrenaturais que se passa na cidade de Londres na época vitoriana. A história conta com personagens clássicos da literatura como Frankenstein, Conde Drácula e Dorian Gray, e seus contos de horror, origem e formação se misturam à narrativa dos protagonistas.

É inegável que a estreante série está conquistando vários fãs por onde ela é transmitida. Redigida pelas brilhantes mãos de John Logan, indicado ao Oscar três vezes pelo trabalho nos filmes: O GladiadorA Invenção de Hugo Cabret e O Aviador, em parceria com Sam Mendes, produtor e diretor de títulos que tem seus devidos reconhecimentos, como 007: Skyfall e Beleza Americana, este, ganhador de cinco Oscar's nos anos 2000. Mas o que são Penny Dreadfuls? Eram contos de puro terror que eram comercializados por um centavo (penny) na Era Vitoriana, no século XIX, recebendo o apelido de Penny Dreadful que significa "centavos do terror". 

Logo no começo percebemos que a atmosfera que ronda a trama é bastante sombria, algo que acaba coincidindo com o local onde ela está sendo passada, Londres, que é conhecida por seu tempo nublado e dias sem muita luz. Outro fator que também contribui pelo sucesso da série são as PERFEITAS (e não dizemos isso de maneira exagerada) atuações de determinados atores, pois logo no episódio piloto notamos que Eva Green e Josh Hartnett acabam se sobrepondo sobre os demais, apesar de todos terem suas respectivas e grandes importâncias na trama de uma forma geral. Além disso, a série também traz a vida personagens clássicos da literatura, como: Drácula, Dr. Victor Frankenstein (criador), Frankenstein (monstro), Dorian Gray e há rumores de que Erik (Fantasma da Ópera) também irá aparecer. 

Porém, é justamente Vanessa Ives, interpretada pela Eva Green, que rouba a cena em quase todos os episódios já lançados até hoje, tendo enorme destaque no sétimo episódio que foi considerado - por mim e pelo Matheus - uma atuação digna de Oscar, uma vez que a trama, basicamente, é desenvolvida em torno da sua vida pessoal e profissional. Ela nos é apresentada como uma médium e enigmática heroína que a todo momento está sendo possuída por um espirito (Matheus gosta de chamá-la de Pomba Gira das Trevas), além de muitos acreditarem que ela é uma reencarnação de uma antiga e maligna entidade (não irei dizer quem por se tratar de um spoiler). 

Elenco Principal

Penny Dreadful faz uma completa viagem pela Londres da Era Vitoriana, bem como pelo subconsciente humano, com seus jogos de horror e tensão psicossexual. Os efeitos especiais utilizados impressionam e não demonstram aquele exagero presente em séries do mesmo gênero. Desta feita, a série abusa dos mínimos detalhes, que vão desde a caracterização dos personagens (vestuário e maquiagem), até a retratação dos cenários onde a cena está se passando, deixando-a legitima, modesta e ao seu tempo impressionante. A abertura, o que envolve sua trilha sonora, remete-nos a algo lúgubre e severo, com crucifixos, um cadáver sendo aberto com um bisturi, uma xícara sendo servida  com sangue, entre outras referências aos personagens da trama em si, despertando um moderado, mas perceptível, calafrio nos telespectadores.

Assim como sua trama, o elenco principal apresenta grandes nomes de atores e atrizes, alguns já consagrados no cinema. Carregando na bagagem, além dos aqui já mencionados, como: Eva Green e Josh Hartnett, a série traz Timothy Dalton, Harry Treadaway, Reeve Carney, Rory Kinnear, Billie Piper e Danny Sapani. 

Eva Green, como Vanessa Ives

Timothy Dalton, como Sir Malcolm Murray

Josh Hartnett, como Ethan Chandler

Harry Treadaway, como Dr. Victor Frankenstein

Reeve Carney, como Dorian Gray

Rory Kinnear, como o monstro Frankenstein

Billie Piper, como Brona Croft

Danny Sapani, como Sembene

Penny Dreadful é transmitida, nos Estados Unidos, pelo canal Showtime e no Brasil, desde o dia 13 de junho deste ano, pela HBO. A primeira temporada conta com oito episódios com duração em média de 50 minutos cada. Apesar dela ainda ser recente, uma segunda temporada já foi encomendada, assim, esperamos reencontrar essa atmosfera sombria, unida com a belíssima trilha sonora, em 2015, como está previsto, além de contarmos com dez episódios desta vez. Confira abaixo o trailer da série. 

Trailer

Abraços,
Gustavo Demétrio
GUSTAVO DEMÉTRIO
É Resenhista e CDC aqui no Vida De Leitor. Um ávido leitor que sonha um dia se tornar um Arquiteto de renome. Admirador do universo e grande fã do Stephen King. Seus livros favoritos são: Série Torre Negra, Sherlock Holmes Sob a Redoma. 
Twitter/Facebook/Skoob/Instagram - Blogvidadeleitor@gmail.com

  Matheus Braga
MATHEUS BRAGA
É Administrador e Resenhista do Vida de Leitor. Cursa o 9º período de Direito na UNIPEL e sonha em se tornar juiz um dia. É apaixonado por livros e possui em sua humilde coleção títulos que vão de Fiódor Dostoiévski a Cinda Willians Chima. Seus livros favoritos são: O Nome do VentoA Descoberta das BruxasThe Summoning, Hunger GamesWithe Cat e Contos de Meigan - A Fúria dos Cártagos
Twitter/Facebook/Skoob/Instagram - Blogvidadeleitor@gmail.com
Observação: Caso o formulário de comentário não esteja visível, atualize a página.