Meu Hamster É Um Gênio - Dave Lowe

Resenha

Hey pessoal, tudo bem?

Este foi o primeiro livro publicado pela editora Valentina, parceira do blog, e confesso que mesmo sendo um livro com um cunho mais infantil, Meu Hamster É Um Gênio conseguiu superar expectativas.








Benjamin Travesso é um garoto de nove anos, muito esperto, mas que... odeia matemática. Cheiroso é um hamster falante que detesta sementes e, acredite se quiser, É UM GÊNIO! Juntos são de arrasar! Daqui para frente, Ben e seu novo animal de estimação irão viver aventuras, desafios e perigos inacreditáveis. Mas será que conseguirão ganhar a aposta que o terrível professor de matemática do Ben, o Barba-Negra McCreedy, acabou de fazer? Cheiroso terá de ajudar Ben com os deveres de casa. Ben precisará vencer a desconfiança de todos. E juntos aprenderão uma grande e valiosa lição.
Após amarrar sua irmã mais nova ao pé da cama com fita adesiva, a mãe de Ben guarda todas suas coisas no quarto dos fundo e decide que já está na hora dele ter mais responsabilidades e a maneira que ela vê de conseguir tal façanha é comprar para Ben um bichinho de estimação. O que ela não sabia é que tal bichinho é um Hamster falante, inteligente e que seria a única criatura na terra capaz de fazer seu filho aprender matemática.
"Nunca amarre sua irmãzinha na cama com fita adesiva, mesmo que ela implore. Acredite em mim, eu já fiz isso e minha mãe ficou uma arara!
Mamãe tem um longo histórico de castigos esquisitos. Certa vez, quando me pegou cortando o cabelo da Barbie da minha irmã, ela me colocou sentado e, sério, cortou meu cabelo... no mesmo "estilo"".
Pág. 9
Os personagens são descritos e construídos de uma maneira mais superficial em face ao número de páginas que o livro possui. Porém, pelo pouco narrado, conseguimos ter uma noção básica de como é a vida de cada um e qual seu papel na história em si. Meu favorito foi o Hamster Cheiroso e o que menos gostei foi do pai de Ben. Que problema esse cara tem ao ponto de apostar o próprio filho? O_O

A diagramação do livro está perfeita. Na parte superior direita do livro existe a marca de uma mordida, como se um roedor houvesse arrancado um pedaço do livro com os dentes. No interior temos várias ilustrações como pegadas de hamsters e a numeração de página é feita com Cheiroso dentro de sua "roda do pensamento". A única crítica que tenho para com a obra é que achei um erro de revisão como uma falta de acento ou * parte que não era diálogo entre travessão. Infelizmente não posso mais me estender, já que o livro possui apenas 102 páginas e qualquer coisa que ultrapassar o que já foi dito seria spoiler.

Como disse no inicio da resenha, este é um livro de cunho mais infantil e possui uma narrativa leve e divertida. Se o que você procura é uma grande aventura então este não é o livro recomendado para você. Contudo, caso queira apenas momentos de descontração (li o livro em menos de 1 hora) e algo mais despretensioso  recomendo a leitura de Meu Hamster É Um Gênio.

*Retratação: No que tange ao acento previamente mencionado quem estava errado era eu, em face à inobservância da nova regra de acentuação prevista no Novo Acordo ortográfico


Abraços,
    Matheus Braga
MATHEUS BRAGA
É Administrador e Resenhista do Vida de Leitor. Cursa o 6º período de Direito na UNIPEL e sonha em se tornar juiz um dia. É apaixonado por livros e possui em sua humilde coleção títulos que vão de Fiódor Dostoiévski a Cinda Willians Chima. Seus livros favoritos são: O Nome do VentoA Descoberta das BruxasThe Summoning, Hunger GamesWithe Cat e Contos de Meigan - A Fúria dos Cártagos.
Twitter/Facebook/Skoob - Blogvidadeleitor@gmail.com
Observação: Caso o formulário de comentário não esteja visível, atualize a página.