Gregor: E a Segunda Profecia - Suzanne Collins

Resenha

Hey pessoal, tudo bem?

Mesmo que este volume não transmita para o leitor aquela sensação de novidade proporcionada pelo primeiro, Gregor e a Segunda Profecia nos leva para uma aventura igualmente empolgante e misteriosa.



Nos meses que se seguiram desde que Gregor encontrou o estranho Subterrâneo debaixo de Nova York, ele jurou jamais voltar. Mas quando outra profecia, desta vez sobre um misterioso rato branco chamado Bane, declara ser necessária a ajuda de Gregor, os Subterrâneos sabem que a única maneira de fazê-lo participar da aventura é raptando sua irmã menor, Boots. Agora a nova missão de Gregor faz com que o menino reencontre o morcego, Ares, e a rebelde princesa Luxa, assim como novos aliados. Todos precisarão atravessar o vasto Caminho d'Água em busca de Bane, e enfrentar os perigos mortais que ele oculta. Gregor então enfrentará a possibilidade de perder o que mais importa em sua vida, e terá de fazer escolhas de vida ou morte, que vão determinar o futuro do Subterrâneo. Seu coração lhe diz que está fazendo o que é certo - mas será que ele sobreviverá para descobrir? Gregor e a SegundaProfecia é o segundo volume da série iniciada por Gregor, o guerreiro da Superfície. Os leitores de todas as idades irão se emocionar e perder o fôlego com essa nova aventura de Gregor, Boots, e todos os mistérios e belezas do mundo do Subterrâneo.

Ao retornar para casa, Gregor realmente crê que poderia levar uma vida normal. Até que sua irmã, Boots/Margareth é sequestrada enquanto brincava no Central Park e a única pista encontrada foi uma para/perna de uma barata...de uma GIGANTE barata.

"MORRE O BEBÊ, MORRE SEU CORAÇÃO.
MORRE SUA MAIS ESSENCIAL PARTE E CONDIÇÃO.
MORRE A PAZ QUE COMANDA O VIVER.
ROEDORES POSSUEM SUA CHAVE PARA O PODER"
Parte da Profecia da Perdição

Adquirindo o conhecimento de que uma nova profecia está em curso, nosso protagonista descobre, ou pelo menos essa foi a interpretação das palavras em um primeiro momento, que Boots será o centro da mesma, já que, como pode ser aferido acima, caso ela morra, o guerreiro não teria mais vontade de lutar. O fato de ela ser parte essencial da profecia foi o que levou os Rastejantes/Baratas Nojentas a sequestrá-la pois os ratos estavam querendo colocar sua patas nela para tirar o guerreiro de seu caminho.

Uma coisa que me agradou bastante foi que, nesta nova aventura, temos a presença de uma de meus personagens favoritos, o Guerreiro Mareth. Descobrimos também que Gregor é exímio no manejo da espada, o que deve-se ao fato de que ele é um colérico (um lutador com talento natural para matar), assim como Ripred, o rato.

"Ares o Voador, me vinculo a você. Nossas Vidas e mortes são uma, nós somos dois. Nas trevas, nas chamas, na guerra, na luta. Salvarei a ti como salvaria minha vida."
Pág. 198

Como foi dito no inicio deste texto, este livro não inova já que é o segundo livro de uma série. Contudo, Collins melhorou bastante sua escrita, de maneira que a aventura ficou mais elaborada e a profecia se tornou um verdadeiro enigma, ao contrário da primeira que foi bastante previsível.

Uma coisa que não me agradou foi o ar de repetição no final do livro. Ficou óbvio que existe mais uma profecia e que a presença de Gregor será mais uma vez necessária no Subterrâneo. Contudo, mesmo sabendo disso, a vontade de ler o terceiro volume não diminuiu (li em 1 dia *__*). 

Segundo informações obtidas junta à equipe da Galera Record, o 4º livro da série será lançado em agosto na Bienal de SP. Infelizmente só nos resta aguardar para descobrir o desenrolar dessa aventura profética.


Abraços,
  Matheus Braga
MATHEUS BRAGA
É Administrador e Resenhista do VDL. Cursa o 5º período de Direito na UNIPEL e sonha em se tornar juiz um dia. É apaixonado por livros e possui em sua humilde coleção títulos que vão de Fiódor Dostoiévski a Cinda Willians Chima. Seus livros favoritos são: O Nome do VentoA Descoberta das BruxasThe Summoning, O Sussurro Mais Sombrio  e  Withe Cat.
Twitter/Facebook/Skoob - matheus@vidadeleitor.com
Observação: Caso o formulário de comentário não esteja visível, atualize a página.