O Prazer Mais Sombrio - Gena Showalter

Fala pessoal, tudo bem com todos vocês?

Por motivos de força maior (notebook aqui ardeu em chamas, literalmente), tive que me ausentar por uma semana e meia do blog, mas isso não quer dizer que deixei de ler excelentes livros e trazer novidades para vocês. XD


Este é o terceiro livro da série S.M.S. (Senhores do Mundo Subterrâneo). Para aqueles que acharam que nossa musa, Gena Showalter, iria fazer como muitos autores, que começam séries e quando vai escrever o terceiro volume já não tem mais criatividade nem competência para continuar, estavam enganados.

Há milênios, quando os deuses habitavam o mundo, doze gregos foram condenados a carregar por toda a eternidade os espíritos malignos que libertaram da caixa de Pandora. Agora, eles precisam encontrar a única relíquia capaz de dar fim a seu sofrimento... ainda que possa destruí-los. Guardião de Dor, Reyes enfrenta um dilema mais dilacerante do que as garras de seu demônio. Embora desejasse Danika Ford, uma humana comum, ele deveria escolher entre o seu amor e a lealdade a um dos guerreiros acometidos pela maldição: Aeron, guardião de Ira, a serviço dos deuses para aniquilar Danika e toda a sua família. Se Reyes permitisse que Aeron cumprisse sua missão, perderia a única mulher capaz de proporcionar um prazer maior do que a dor. Entretanto, ao neutralizar seu companheiro, Reyes abrira uma brecha para que Danika fosse capturada pelos Caçadores, cujos planos eram torná-la uma Isca. Agora, deverá arriscar a própria alma para savá-la. Ainda que estranhe o fato de os deuses desejarem a eliminação de uma mera mortal.


De todos os livros que eu li até agora, desta série, este foi meu preferido. A dosagem entre as cenas de romance, sexo e ação foram balanceada, ao contrario dos dois primeiros que tendem a pesar mais para o sexo /romance /água com açúcar.

Este livro gira em torno de Rayes, guardião da dor, e Danika Ford, uma mulher impetuosa que não se submete aos outros sem antes lutar. Grande parte do livro gira em torno da missão que o deus Titã, Cronos, deu à Aeron (matar todos os membros da família Ford) e a busca pelos artefatos que farão com que os S.M.S. possam encontrar a caixa de Pandora, impedindo assim que os demônios que habitam seus corpos sejam aprisionados, matando seus guardiões no processo.

O ponto forte da história é quando descobrimos o porquê de os Titãs demandarem a cabeça de Danika em uma badeja de prata. Confesso que JAMAIS imaginaria que seria pelo motivo descrito pela autora, JAMAIS.

Um ponto contra durante a narrativa, era quando Gideon, Guardião da mentira, dizia algo. A autora sempre dava a explicação de que tudo o que ele falava não era verdade ou que ele queria dizer exatamente o contrário, o que em certos momentos era bem cansativo e irritante.

Mesmo a história contendo um enfoque maior nos dois personagens principais, a autora não deixa de lado personagem como Anya, deusa menor da anarquia (um de meus personagens favoritos), Torin, guardião da doença (que levou um livro inteiro para se recuperar de um ferimento recebido no primeiro volume da série) e Galen, cujo papel na história eu não posso revelar por ser spoiler. XD

No livro dois, O Beijo Mais Sombrio (confira a resenha feita pela Carol), Lucien, guardião da morte, toma posse da Jaula da Coação, um artefato que é capaz de obrigar aquele que foi aprisionado a fazer o que a pessoa que o aprisionou mandar. A pergunta é, porque os S.M.S. não colocaram Aeron dentro da jaula e ordenaram que ele não cumprisse a missão que o Titã lhe passou? o.O

A diagramação e a revisão estão perfeitos, não achei nenhum erro, nem gramatical nem de concordância. A capa segue o mesmo padrão das demais, uma borboleta na cor que representa seu Senhor, o que por sinal é bem melhor que a capa americana.

Bom pessoal, creio que isso é o máximo que posso falar sobre o livro sem dar spoiler. Deixo a vocês uma pergunta feita pelo deus Titã: O que importa mais, um amor, ou um amigo?


Abraços
Matheus Braga - @MatheusBragaM

Confira no Skoob






Observação: Caso o formulário de comentário não esteja visível, atualize a página.