XV Bienal do Livro - Rio de Janeiro

Hola personas!!!
Como estão vocês?

Eu passei alguns dias no Rio de Janeiro, e voltei só na segunda-feira (12/09). Ainda não tive tempo de me readaptar à vida real, pois os dias que passei na Cidade Maravilhosa foram mágicos, fantásticos, inesquecíveis.

Conheci pessoas muito legais e lugares lindos. Me diverti demais! Vou tentar passar um pouco do que vivenciei nesses últimos cinco dias, mesmo sabendo que as palavras e imagens não irão ser suficientes.

Dia 07/09, quarta-feira.
Nesse dia acordei cedo e fui direto para o Rio Centro, para a Bienal! Ainda lá fora, na fila, encontrei a Marina Moura, do blog Minha Vida Por Um Livro. E juntos fomos procurar o local onde a Marina deveria retirar o ingresso que ela havia ganho em uma promoção do twitter, promovida pelo perfil oficial da Bienal. Uma bagunça, cada funcionário dando informação diferente. Para quem estava indo pela primeira vez, foi uma "ótima" primeira impressão.

Logo depois encontrei o estande da Editora Underworld e por ali estava o grandioso amigo Nanuka Andrade, o autor de Camundo, O Desenho e a Sombra. Sentei-me ali ao lado dele e conversamos um pouco sobre a Bienal, sobre o almoço, etc. Aproveitei a presença do Nanuka e solicitei a ele que autografasse o livro que a Carol Mylius havia comprado e que eu ficara responsável de buscar! Ainda no estande da Underworld, tive a oportunidade de conhecer a linda Edilza Pinheiro, a Fabiana Andrade e seu marido, Lorenzo. Conheci também as simpáticas gêmeas Mônica e Monique Sperandio, mas infelizmente não tirei foto com as meninas.

Na sequência, me dirigi ao estande da Editora Intrínseca, e no caminho encontro Diego Vieira (Li Um Livro), Viviane Ferreira (Filmes, Livros e Séries), Gabriel Burani (autor de Hugo, O Vampiro), Tiago e Rafael Casanova (Sobre Livros), Leandro Schulai (Na Mira dos Livros), Guilherme Cepeda (Burn Book) e Milena Cherubim. Acabei ficando com esse pessoal o resto do dia.  

Ainda na quarta-feira, conheci a Viviane Maurey, (Editora Record), a Renata Cordoni (da Editora DCL), a Patoka (Intrínseca), a Carol Sabar (autora de Como (Quase) Namorei Robert Pattinson), Gustavo Morris e Gustavo Brasman (autores de As Crônicas dos Senhores de Castelo). 

Ainda no dia 07 eu peguei um autógrafo da Anne Rice, mas não para mim. Fiz um favor para a Vivi, que levou dois livros, mas cada pessoa só podia autografar um livro.

Dia 08/09, quinta-feira.
Nesse dia não fui para a Bienal. Preferi passear com a Ana (minha namorada) e o Juliano (irmão da Ana). De manhã caminhamos por Copacabana, almoçamos por ali mesmo. De tarde tomamos um banho de mar na Praia do Pepê! 



De noite fomos ao Shopping Down Town, na Barra. Na volta, paramos no Mirante do Leblon, na Av. Niemeyer, e tiramos algumas fotos! Depois ainda fomos tomar uma "ceva" em um bar em Copacabana, assistindo ao jogo Corinthians 2 x 1 Flamengo.  






Dia 09/09, sexta-feira.
Resolvemos tirar a sexta-feira para o turismo. Primeiro passamos pela Lagoa Rodrigo de Freitas, que é linda! Depois subimos o Corcovado de trem e tiramos horrores de foto junto ao Cristo Redentor porque ir ao Rio e não visitar o Cristo é pecado.  Pena que havia algumas nuvens lá em cima do morro e não tínhamos como apreciar a vista lá do alto. Logo após, passamos pela Lapa, onde pudemos ver os Arcos da Lapa e também a Catedral Metropolitana. Na sequência fomos para o Teleférico do Pão de Açúcar e eis que ganhei meu dia. O passeio foi sensacional! A vista de cima do Morro Pão de Açúcar é sensacional! O Rio de Janeiro é lindo demais! 

Fomos para o local onde estávamos hospedados, o Wave Hostel Copacabana, e ficamos na área comum do hostel, conversando com um grupo de mineiros e israelenses. Um dos israelenses falava espanhol, inglês e hebraico, então ele acabou sendo o intérprete do grupo! Muito legal mesmo!


Dia 10/09, sábado.
Dia de Bienal! E que dia perfeito! Novas amizades e muitas risadas! Logo que cheguei encontrei o Diego, a Vivi e o Gabriel. Mas antes queria conhecer algumas pessoas que acabei "esquecendo" na quarta-feira, como a Pri Beletato (Lulital e Viaje na Leitura), o Osvaldo (Novo Conceito), a Ana Cristina (Lyrr Editorial). 

Como cheguei um pouco tarde, acabei almoçando com toda a galera, e depois disso fui para o estande N22, no pavilhão verde, dica da Nice (Mix Literário) e da Hérida (Lendo nas Entrelinhas). No referido estande encontrei à venda livros novos, com defeitos, dos selos do Grupo Editorial Record. Acabei comprando cinco livros, que vocês podem conferir no Mundo de Leitor #09.  

Conheci o Nicolas (Tudo por um livro), que decidiu ir para a Bienal de útima hora! Tivemos pouco contato, pois ele estava acompanhado da irmã e outro amigo e ainda queriam ir para a fila da Lauren Kate. Conheci também o comédia Gerson Couto! Vi o Diego sendo tietado por duas fãs dele, que estavam na fila da Paula Pimenta. 

Enquanto nós aproveitávamos para descansar um pouco, o Diego recebeu a mensagem de que ocorrera algum problema no evento dos fãs de Percy Jackson, e nos dirigimos até o estande da Intrínseca. Quando chegamos lá, fomos direto perguntar para a Patoka o que havia acontecido. Tudo corria tranquilamente durante o evento, sem nenhuma bagunça, até que o pessoal da Fagga (empresa que fazia a segurança da Bienal) ordenou que a editora cancelasse o evento. Um absurdo sem tamanho, já que os eventos das outras editoras foram muito mais tumultuados e ninguém falou nada. 
(O Diego, do Li Um Livro, gravou um vídeo entrevistando os fãs que estavam presentes no evento. Em breve ele deverá estar divulgando o vídeo e eu irei aproveitar e republicar o vídeo aqui no Vida de Leitor).

Logo após fomos até o evento do Raphael Draccon, autor de Dragões de Éter, na estande da Leya, que contou com uma apresentação de atores caracterizados. Enquanto esperava na fila, eis que a Scheila (Guardiã da Meia-Noite) passa por mim e me cumprimenta! Essa menina que vejo quase todos os fins de semana em Porto Alegre também foi para o Rio! Acabei pegando dois autógrafos com o Raphael, mas não eram para mim. Quebrei esse galho para o Rafa Casanova, pois ele queria autografar a trilogia para dar de presente para uma amiga!

Ainda no dia 10, na parte final, conheci o Danilo (Record) e o mesmo me apresentou, juntamente com o Diego, a Vivi e o Gabriel, às responsáveis da Editora Planeta, Andrea e Thalita. Foi um prazer enorme conhecer essas duas meninas muito queridas! 



Dia 11/09, domingo.
No domingo acordei bem tarde, arrumei a mala, dei check-out no hostel e fomos passear, já que tínhamos bastante tempo. Aproveitamos para conhecer o Jardim Botânico do Rio de Janeiro! Que lugar lindo! Encontramos até uns colorados macacos que andavam tranquilamente no meio da galera! Depois fomos conhecer os bairros que ainda não tínhamos passado, como Botafogo, Flamengo, Gávea, Catete, Centro e outros. 



E foi isso galera...
Com certeza eu esqueci de mencionar alguns fatos ou pessoas nesse relato. Conforme eu for me lembrando, irei editando o post! De toda a viagem, duas coisas marcaram muito:

a) O Rio de Janeiro é lindo.
b) Conheci e fiz amizades com pessoas maravilhosas. Tenho certeza de que irei vê-los novamente e que a amizade irá se fortalecer e muito. A Vivi é a blogueira mais legal, simpática e gente boa que conheci durante essa Bienal. Já o Diego só confirmou a ótima impressão que eu já tinha sobre ele, em nossos contatos pela internet. A Patoka é uma pessoa com um coração enorme. O Gabriel Burani é um cara nota dez. Os gêmeos são umas figuraças (sim, apesar deles morarem perto da minha cidade, foi preciso a gente se encontrar no Rio para nos conhecermos).

A Bienal do Livro do Rio de Janeiro de 2011 foi um evento e tanto. Quando voltei a Porto Alegre, senti como se eu tivesse acordado de um sonho. Um sonho que eu desejava não ter acabado. Enfim, de volta à vida real. 

Aguardo todos na Feira do Livro de Porto Alegre, no final de outubro!!

Bruno Thomaz.

Observação: Caso o formulário de comentário não esteja vísivel, atualize a página.